Header Ads

CUIDADOS CONTRA RAIOS


O que você deve fazer dentro de casa
Não tome banho durante as tempestades.
Não use chuveiro ou torneira elétrica.
Evite contato com qualquer objeto que possua estrutura metálica, tais como fogões, geladeiras, torneiras, canos, etc.
Evite ligar aparelhos e motores elétricos, para não queimar os equipamentos.

Afaste-se das tomadas e evite usar o telefone.
Desconecte das tomadas os aparelhos e eletrônicos tais como televisão, som, computadores, etc.
Permaneça dentro de sua casa até a tempestade terminar.
Desligue os fios de antenas dos aparelhos.
O que você deve fazer fora de casa.
Evite contato com cercas de arame, grades, tubos metálicos, linhas telefônicas, de energia elétrica e qualquer objeto ou estrutura metálica.
Afaste-se dos seguintes locais:
tratores e outras máquinas agrícolas; motocicletas, bicicletas e carroças; campos abertos pastos, campos de futebol, piscina, lagos, lagoas, praias, árvores isoladas, postes, mastros e locais elevados; permaneça dentro de seu veículo caso o mesmo tenha teto de estrutura metálica.

As lendas
A sabedoria popular, nem sempre tão sábia, criou uma série de noções falsas que podem levar à tragédia:
Lenda: Se não está chovendo não caem raios.
Verdade: Os raios podem chegar ao solo a até 15 km de distância do local da chuva.

Lenda: Sapatos com sola de borracha ou os pneus do automóvel evitam que uma pessoa seja atingida por um raio.
Verdade: Solas de borracha ou pneus não protegem contra os raios.
No entanto, a carroceria metálica do carro dá uma boa proteção a quem está em seu interior; sem tocar em partes metálicas.
Mesmo que um raio atinja o carro é sempre mais seguro dentro do que fora dele.

Lenda: As pessoas ficam carregadas de eletricidade quando são atingidas por um raio e não devem ser tocadas.
Verdade: As vítimas de raios não “dão choque” e precisam de urgente socorro médico, especialmente reanimação cardio-respiratória.

Lenda: Um raio nunca cai duas vezes no mesmo lugar.
Verdade: Não importa qual seja o local ele pode ser atingido repetidas vezes, durante uma tempestade. Isto acontece até com pessoas.
O guarda florestal norte-americano Roy Sullivan foi atingido sete vezes durante sua vida. Sofreu pequenas queimaduras, contusões, tombos e roupas rasgadas.
Hoje, aposentado, Roy mora numa casa reboque com um pára-raios em cada quina.

Cuidado com as cercas
As cercas conduzem o raio. Elas podem ser isoladas das edificações e aterradas nesses pontos.
Em locais de circulação de pessoas e animais as cercas devem ser seccionadas e aterradas em intervalos regulares.
Essas recomendações aplicam-se também a varais longos e ou que estejam em contato com edificações.
O aterramento sempre deverá ser feito utilizando-se hastes próprias para o mesmo.


Fonte: Fazfacil

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.