Header Ads

CÂMARA PODE DAR O TROCO NO STF CRIANDO IMPASSE

RECUSA DE COMISSÃO GOVERNISTA DO IMPEACHMENT É O PRIMEIRO PASSO
O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, tem sido incentivado por aliados a provocar um impasse institucional, como resposta à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de se imiscuir em assuntos do Poder Legislativo para alterar as regras e dificultar o Impeachment da presidente Dilma. O impasse começaria pela recusa do plenário de referendar a comissão que vai analisar o pedido de Impeachment.
Alterar o regimento está entre as medidas que podem ser adotadas pela Câmara antes da definição da comissão do Impeachment."STF rasgou a Constituição e temos o dever de usar prerrogativas de legislador" diz o líder de um dos quatros maiores partidos da Câmara." Não podemos calar e vamos reagir. Houve uma decisão equivocada do Supremo", afirma o deputado Domingos Sávio (PSDB/MG).
O regimento alterado consagraria a votação secreta nas eleições para cargos e comissões permanentes ou especiais, na Câmara.
Fonte: Diário do Poder

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.