Header Ads

CAPOTAGENS E ACIDENTES RESULTAM EM DUAS MORTES EM RODOVIAS QUE CORTAM O DF

Pelo menos duas pessoas morreram e quatro ficaram feridas, duas delas com gravidade, em acidentes de carro em rodovias que cortam o Distrito Federal na noite deste sábado (7/5). às 22h40, na BR-060, Hudson Silas Carrijo Alves, 34 anos, morreu após o veículo em que estava, uma VW Saveiro prata com placa de Goiás, perder o controle e capotar no canteiro central. A vítima foi arremessada para fora do carro. Socorristas do Corpo de Bombeiros e do Serviço de Atendimento Médico de Urgência prestaram socorro e ainda tentaram reanimá-lo, as ele não resistiu aos ferimentos.
Um acidente semelhante, na BR-020, ainda no DF, também terminou em morte. Antônio Bezerra da Silva, 59 anos, perdeu o controle do carro que dirigia, um VW Santana prata, e capotou às margens da BR-020. Testemunhas chamaram os bombeiros, mas Antônio já estava morto quando os socorristas chegaram. Em ambos os casos, os locais ficaram aos cuidados da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a espera da perícia da Polícia Civil. 
Ainda na BR-020, quatro pessoas ficaram feridas após uma colisão frontal entre m Gol vermelho e um Honda Civic cinza. Ambos os veículos capotaram após o choque. O primeiro veículo era conduzido por Márcio Fernando da Rocha Capucho. Ele sofreu Traumatismo craniano, perfuração no tórax, fratura nas duas pernas e no braço direito, mas foi transportado consciente e orientado por paramédicos do Samu.
O Honda, por sua vez, seguia com três ocupantes. O motorista, Belmiro José de Souza, 62 anos, teve um trauma no tórax e um corte no braço direito, e foi transportado para o Hospital Regional do Paranoá (HRP). Paulo Ricardo de Souza, 25, apresentava edema no abdômen, com suspeita de hemorragia interna e também foi levado para o HRP. A terceira passageira, Iris Maria de Souza, 65, sofreu perfuração no tórax e suspeita de hemorragia interna Ela estava consciente quando foi transportada para a mesma unidade de saúde que Belmiro e Paulo.
A mesma equipe dos bombeiros que socorreu Hudson se deparou com outra capotagem cerca de 1 Km após a primeira, cerca de uma hora depois. Dessa vez, no entanto, o motorista, Diego Lima Costa, 20, e a passageira não se feriram. Diego disse aos socorristas que cochilou enquanto dirigia.

No quinto acidente, outra colisão seguida de capotagem, dessa vez na QL 4 do Lago Norte, envolvendo três veículos, ninguém se feriu gravemente. Os envolvidos são Felipe Rabelo Rodrigues Salomão, idade não informada, que dirigia um Honda City preto, Vitor Makoto Matayoshi, 21, que conduzia um Nissan March, e Edson Machado Monteiro, 61, que ocupava o volante da Toyota Hillux de cor azul que virou após bater nos outros carros. 
Fonte: Correio Braziliense

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.