Header Ads

APÓS ACENAR GOVERNO ESTUDA PARIDADE COM A POLÍCIA CIVIL

Governador Rodrigo Rollemeberg, mantém a palavra e diz querer firmar paridade da Polícia Civil com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros, pois se houver aumento para a Polícia Civil será estendido o mesmo percentual à PM e BM.
Como foi anunciado por este portal, o governador acenou e firmou compromisso com a PM e BM. Também acenou a possibilidade de alteração da Lei 12.086, que trata dos critérios e as condições que asseguram aos policiais militares da ativa e aos Bombeiros Militares da ativa e o acesso à hierarquia das Corporações, mediante promoções de forma seletiva, gradual e sucessiva com base nos efetivos fixados para os Quadros que os integram.
Também observamos que o governo demonstra celeridade ao convidar para dentro do Buriti o fórum de associações da PM e BM, para juntos construir o melhor caminho na paridade salarial. Isso já demonstra um lado positivo, que é o governo apresentar proposta salariais para todas as forças da segurança pública.
Em contato com o Sub tenente Ricardo Pato, foi nos passado que o aumento já está certo e que será no mesmo percentual da Polícia Civil e não tem motivos de haver confronto entre as instituições, pois a segurança pública é uma só.
Ressaltamos também que haverá no próximo dia 17, no clube de oficiais da PM, uma assembleia dos oficiais da PMDF e BMDF, onde terá como pauta a reposição salarial

2 comentários:

  1. se essa assembléia for igual a última que aconteceu neste clube não posso esperar muita coisa

    ResponderExcluir
  2. E uma pena que os integrantes deste movimento não lembram nem de loge dos colegas que foram eliminados das promoções por ocasião da aplicação da famigerado Quota Compulsória, instituto criado para dar prejuízo as pessoas envolvidas e ao Estado, em detrimento de meia duzia de interessados. Processos recheados de vícios de todas formas. Vejo manifestaçoes referente a mudança das legislações (decreto de promoção,estatuto) e, enquanto prejuízos de valores imensurável suportados pela Corporação (estado)por conta do referido instituto não são citados nem pelos integrantes do movimento e nem pela instituição que deveria defender os interesses do Estado (Procuradoria do DF)????

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.