Header Ads

MILITARES DEVEM FICAR FORA DA PL 257

Deputados da Bancada da Segurança Pública reuniram-se com o Ministro da Fazenda, Henrique Meireles, para tratar do PLP 257/2016 que cria novas regras para o pagamento da dívida dos estados com a União e também afeta os servidores públicos e militares.
Durante o encontro o Ministro garantiu que as alíquotas de contribuição previdenciárias dos servidores não serão reajustadas, mantendo os 11%. Os militares não deverão perder o direito a promoção ao posto imediato na passagem para reserva remunerada, além de continuarem a receber em pecúnia as licenças não gozadas.
Conseguimos a atenção do Ministro, Henrique Meireles, em relação aos pontos do PLP 257/2016 que afeta servidores públicos e militares. A renegociação da dívida dos Estados precisa ser aprovada, mas sem prejudicar aos trabalhadores que tiveram grandes perdas nos últimos anos”, explica o deputado federal Alberto Fraga (DEM)
Fonte: ACS gabinete Dep Alberto Fraga


Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.