Header Ads

APÓS INCÊNDIO, FUMAÇA E MASSA DE AR SECO ENCOBRE O DF

Uma camada de fumaça cobriu o céu de Brasília na manhã desta quarta-feira (14). Segundo o Corpo de Bombeiros, um incêndio em uma área de cerrado no Lago Oeste, iniciado na segunda-feira (12), provocou o fenômeno, que prejudicou a visibilidade em vias. A corporação informou que as chamas foram extintas, mas retornaram por conta do tempo seco, calor e dos ventos que atingiram o DF nos últimos dias.
Até as 9h desta quarta-feira, a corporação ainda não tinha estimado a área afetada pelas chamas. Pela segunda vez na semana, as chamas haviam sido extintas, mas ainda existia a possibilidade de o incêndio recomeçar. As altas temperaturas e a baixa umidade, somadas a uma massa de ar seco, deixaram a visibilidade do Distrito Federal prejudicada.
Dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) apontavam umidade entre 55% e 15% e temperatura máxima de até 33º C. A previsão do tempo, de acordo com a organização, deve continuar a mesma para os próximos dias e a preocupação é de que as chamas se propaguem novamente na área.
Imagens de câmeras do DER que monitoram as principais vias do DF mostram a forte camada de névoa que prejudicou a visibilidade de motoristas. Alguns dos principais monumentos da cidade, como o Estádio Nacional Mané Garrincha e a Ponte JK, estavam cobertas por uma fina camada de névoa.


Fonte: G1

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.