TITULO

ROOSEVELT SE PREPARA PARA VOLTAR À CLDF. BOMBEIROS ACENDEM A LUZ AMARELA

O Secretário adjunto da Secretaria das Cidades, Roosevelt Vilela, se prepara para voltar à Câmara Legislativa. O Suplente no ano passado tomou posse na cadeira do Dep. Joe Valle (PDT), quando assumiu uma vaga no primeiro escalão. Agora aguarda a saída da deputada Sandra Faraj, que está grávida e entrará de licença para se dedicar ao bebê, por pelo menos seis meses, conforme o noticiado pelo Alto da Torre.
Roosevelt poderá voltar para a CLDF em um momento conturbado na casa. No Passado o suplente não teve muita sorte na primeira passagem na CLDF, antes mesmo de assumir o mandato Roosevelt falou que os deputados estavam chantageando o governador.
Outra polêmica que foi bem destacado no Guardian DF, foi o episódio que ocorreu durante a apresentação do relatório de gestão do último quadrimestre de 2015 à Comissão de Fiscalização, Governança, Transparência e Controle da CLDF, Ao defender as Organizações Sociais (OSs), o parlamentar afirmou já ter dado voz de prisão a médico e enfermeiro, além de sugerir que o servidor da Secretaria de Estado de Saúde do DF (SES-DF) não trabalha, o que causou revolta, nos funcionários da Secretária de saúde.
Alguns colegas Bombeiros Militares até criticaram o parlamentar em nome de seus colegas:
A posição do Roosevelt é arcaica. Ele se pronuncia sobre isso pois nunca trabalhou em uma UR [Unidade de Resgate] que é integrada com os médicos do SAMU. As condições dos hospitais são ridículas, local improprio até para o trabalho.(Sic)”
E as polêmicas não param por ai, o suplente de deputado que foi eleito pelos militares do Corpo de Bombeiro do DF, deu uma “facada nas costas” dos militares ao assinar a aprovação da PL 556/2011, na comissão de Economia, Orçamento e Finanças (COEF), da qual fazia parte na sua primeira passagem na CLDF, o PL retira a competência do CBMDF para determinadas funções.
Nas últimas semanas o Blog do Guilherme Pontes, noticiou que o Roosevelt é sinônimo de incompetência e descaso, pois a administração regional do Núcleo Bandeirante que está em seu poder, não pagou os salários dos bombeiros militares que estão cedidos a administração. Por determinação do Tribunal de Contas da União todos os militares que estavam cedidos a administração foram exonerados.
Os militares que na última eleição de 2014 votaram em Roosevelt, agora ficam com a luz AMARELA ligada, pois como um suplente de deputado que recebeu voto de Bombeiros, tomou tantas atitudes contrárias aos princípios dos militares da corporação.
Conforme informações colhidas pelo portal de dentro do PSB-DF, podemos informar que o suplente não e bem quisto, pois por ser militar da ativa na época da eleição de 2014, e ter a prerrogativa de escolher o partido apenas nas plenárias, o suplente caiu de paraquedas no PSB-DF, o que criou uma antipatia dele dentro do partido, por aqueles que construíram história no partido.

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.