TITULO

ADMINISTRADOR FALA SOBRE AS MELHORIAS JÁ VISTAS NO JARDINS MANGUEIRAL

Por Cris Oliveira
A poligonal definitiva do Jardim Botânico já está pronta e abrange o Mangueiral, o Altiplano Leste e o Tororó.
1)Blog: No começo de sua administração no Jardins Mangueiral, qual foi o maior desafio enfrentado?
Alessandro Paiva: Sem sombra de dúvidas nossa maior dificuldade foi o conflito de competências com a Adm. Regional de São Sebastião para a destinação e uso de recursos públicos. Os recursos destinados à Adm. do Jardim Botânico não poderiam ser empregados no Mangueiral, exceto a realização de pequenos serviços de manutenção de área pública e limpeza urbana em parceria com São Sebastião. Para as demais ações, os recursos deveriam ser destinados à São Sebastião ou para as Secretarias de Estado.
2)Blog: Que conquista tiveram os empresários do Jardins Mangueiral em sua gestão?
AP: Os comerciantes foram atendidos pelo sistema de Regularização e Licenciamento de Empresas – RLE, que facilitou a regularização de empresas até então sem licença para funcionar. A falta de CNPJ dificultava o trabalho dos empresários. O RLE traz a legalização dos estabelecimentos e com isso a comunidade que antes se servia do comércio de outras localidades hoje já consegue gerar renda e emprego dentro do Jardins Mangueiral.
3)Blog: O Jardins Mangueiral no ano de 2016 foi matéria do Fantástico por causa da queimada que atingiu o cerrado próximo às residências. Quais foram as providências tomadas para que isso não ocorra novamente?
AP: Assumimos o compromisso junto ao IBRAM e fizemos os aceiros de prevenção contra incêndios do Setor Mangueiral que é cercado por uma grande extensão de área verde. A supressão da vegetação seca seguida de limpeza de matéria orgânica combustível em uma faixa de aproximadamente 5 metros de largura ao longo de áreas suscetíveis a incêndios protegeu a comunidade e seu patrimônio. Ao contrário de 2016, tivemos um princípio de incêndio em 2017 que não se alastrou em razão deste aceiro, as chamas foram debeladas em menos de meia hora.
4)Blog: Existe verba para construção de uma Unidade Básica de Saúde no Mangueiral? Como está o andamento dessa obra?
AP: Sim. O governo está finalizando ajustes na documentação que servirá de base para a licitação de várias UBS’s no DF, incluindo a do Mangueiral. Outros equipamentos públicos também estão em fase de preparação de licitação como o Centro de Ensino Fundamental cujo projeto de arquitetura já está na Adm. Regional. A iluminação em LED da Estrada do Sol no Jardim Botânico foi finalizada e está em fase experimental. Em breve o Mangueiral receberá obras de iluminação no seu acesso pela DF-001 e a Av. Mangueiral receberá lâmpadas LED. Os procedimentos estão sendo adotados junto à CEB.
5) Blog: O Jardins Mangueiral receberá do Governo de Brasília a Feira de Multiuso. Para quando está prevista o começo dessa obra?
AP: Diferentemente da Feira do Jardim Botânico, onde já existe efetivamente a feira do produtor e a Adm. Regional desenvolveu o projeto para sua modernização, no caso do Mangueiral será necessário primeiramente a realização das feiras eventuais com a participação dos interessados como ocorre por exemplo com a Feira da Lua que não possui local fixo. Enquanto isso, estamos em contato com os órgãos responsáveis para a destinação do terreno para a Feira do Mangueiral, desenvolvendo projetos e captando emendas parlamentares para a realização da obra. Acreditamos que ainda no primeiro semestre de 2018 poderemos lançar a licitação. Mas é importante salientar que Lei das Feiras estipula os critérios para seleção dos futuros permissionários. Vale a pena dar uma conferida nas Leis nº 4.748, de 2012, e nº 4.257, de 2008 e de suas recentes regulamentações.
6) Blog: Quais providencias estão sendo tomadas para que a poligonal que leva definitivamente o Jardins Mangueiral para a Região Administrativa do Jardim Botânico possa ser uma realidade?
AP: A poligonal definitiva do Jardim Botânico já está pronta e abrange o Mangueiral, o Altiplano Leste e o Tororó. Conferimos pessoalmente os novos limites propostos para o bairro e estão de acordo com as demandas apresentadas pela comunidade para a Adm. Regional. Serão realizadas duas Audiências Públicas para colher as considerações finais da população. As datas serão divulgadas pela Administração para que nossa comunidade faça as contribuições necessárias e ajustes se for o caso. O processo deve estar finalizado em janeiro de 2018.
7) Blog: Quais foram as mudanças no trânsito do Jardins Mangueiral em sua gestão?
AP: A pedido dos motoristas que trafegam na Avenida Mangueiral, a Administração do Jardim Botânico, juntamente com a Novacap, desobstruiu as duas pistas de mão dupla e a obra já está a todo vapor. Para o Administrador Alessandro Paiva, a fluidez do trânsito do Jardins Mangueiral ajuda na qualidade de vida de toda a Região Administrativa, e é demanda antiga dos moradores. Além disso, o Governo de Brasília fez a adequação da rodovia da DF-463 que liga o Jardins Mangueiral a São Sebastião, com duplicação das pistas. As barreiras eletrônicas e redutores de velocidade serão instalados pelo DETRAN para que os pedestres tenham mais segurança na travessia. E está em andamento também o projeto para construção de duas rotatórias e alguns retornos na Av. Mangueiral. As ações no trânsito fazem parte do Projeto Cidades Limpas da Secretaria das Cidades.
Fonte: Blog do Sombra

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.