COLISÃO FRONTAL MATA UMA PESSOA NO PARANOÁ

Texto de  Paula Pires

Uma mulher morreu e quatro pessoas ficaram feridas, entre elas duas crianças, em um acidente no início da manhã deste domingo (26/11). A condutora de um Fiat Palio de cor prata admitiu ter ingerido bebida alcoólica. Ela também não tinha Carteira Nacional de Habilitação, e bateu de frente contra um Fiat Siena dirigido por um homem. A colisão aconteceu, por volta das 6h10, na Estrada Parque Contorno, em frente à entrada da escola Boqueirão, perto do quilômetro 15, da DF-001, no Paranoá. A condutora do Palio está presa.

No Palio, estavam quatro pessoas. A condutora, de 30 anos, que sofreu escoriações no rosto e perdeu alguns dentes, a passageira, de 48, que e morreu no local, em decorrência de um traumatismo craniano e, no banco de trás, as duas crianças, de 1 e 4 anos. Elas estavam sentadas em cadeirinhas de segurança.
No outro veículo, seguia apenas o motorista, que sofreu uma fratura na perna e escoriações pelo corpo. Bombeiros levaram os dois condutores e as crianças, inicialmente, para o Hospital Regional do Paranoá (HRP). Posteriormente, os pequenos foram transferidos para o Hospital Regional da Asa Norte (HRAM), com suspeita de fraturas, mas já foram liberados e estão sob os cuidados da família.
O delegado de plantão na 6a Delegacia Policial (Paranoá), Tiago Oliveira Alves, comentou sobre a embriaguez da condutora. “A motorista confirmou aos policiais que havia acabado de sair de uma festa e havia ingerido bebida alcoólica. Por isso, ela não  lembra de nada no momento da colisão. Além disso, a combinação da chuva com  pista molhada fez com que ela perdesse o controle do carro,” analisou.
Ainda de acordo com o delegado, a motorista responderá por  lesão corporal culposa, homicídio culposo e embriaguez ao volante. “Por se tratar de crime inafiançável, ela ficará presa até o dia da audiência de custódia”, afirmou.
Foto do Metrópoles

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.