BANCO DE BRASÍLIA DEIXA CLIENTES NA MÃO

Por Hamilton Silva
Mesmo tendo um lucro de R$ 260 milhões nos 12 meses de 2017, ou seja, um valor 29,6% maior do que o mesmo período de 2016, com R$ 200,5 milhões, o Banco de Brasília proporciona gafes e leva seus clientes, mesmo que eventualmente, ao constrangimento.
Ao passar o cartão de crédito, ou débito nas compras de produtos ou serviços muitos dos servidores, empresários e demais correntistas vivenciam um momento de vergonha quando aquela famigerada mensagem na “maquininha”, “Não Autorizado”aparece e aponta para o cliente um dedo bem no seu nariz dizendo que você é um potencial caloteiro ou espertinho. Mas não é bem assim não.
Com muita instabilidade, devido à mudanças na prestadora de serviço de tecnologia, os serviços da estatal tem ocasionado a movimentação dos clientes até suas agências e desconfiança nos  aplicativos e serviços de Banknet.
Essas inconsistências técnicas obrigou a empresa a publicar nota de esclarecimento,nesta data justificando a falha no serviço que não se limitou a essa semana, isso ocorre desde meados do mês de abril quando a prestadora de serviços assumiu o sistema do Banco.
Nota de esclarecimento
O BRB informa aos seus clientes e usuários que está promovendo atualização tecnológica em seus sistemas e infraestruturas. Essas intervenções se intensificaram nos últimos dias, o que ocasionou indisponibilidade temporária em alguns sistemas.
Houve um problema pontual no processamento da rotina desta noite. O BRB está ciente do ocorrido, e está trabalhando para a normalização dos serviços.
É importante ressaltar que todos os créditos foram realizados na conta-corrente dos clientes, porém, não sensibilizaram o extrato, de modo que a integração com os canais de atendimento (mobile, autoatendimento e banknet) do Banco ainda não ocorreu no dia de hoje.
No entanto, os saldos estão atualizados nas agências, e o gerente conseguirá consultá-los e poderá autorizar o saque e os pagamentos diretamente no caixa, caso necessário. Uma outra opção de consulta ao crédito de pagamento para os clientes habilitados neste canal, é por meio do BRB Telebanco, no número 3322.1515, opção 9.
A previsão é de que o sistema seja normalizado ao longo do dia de hoje e o atendimento nas agências será estendido até às 17h. O horário para emissão de TEDs será prorrogado para as 17h.
O BRB pede desculpas pelos transtornos causados aos seus clientes.
Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.