HOMEM MORRE AFOGADO DEPOIS DE PULAR DA PONTE COSTA E SILVA

Com informações do Metrópoles
O jovem Geovane Maurício de Souza, 23 anos, morreu afogado, na tarde deste domingo (22/7), após pular da Ponte Costa e Silva. O homem não conseguir retornar depois de se jogar no Lago Paranoá.
Geovane era de Pelotas, no Rio Grande do Sul, e passava férias em Brasília. Ele foi ao Lago Paranoá na companhia de dois amigos. Lá, o grupo decidiu pular da ponte, prática não recomendada pelo Corpo de Bombeiros.

De acordo com informações dos amigos de Geovane, o jovem não retornou após pular da ponte. Os bombeiros, então, foram acionados e, em cerca de três minutos, chegaram ao local: os mergulhadores levaram ainda cinco minutos para resgatar o rapaz.
Os bombeiros tentaram procedimentos de reanimação por cerca de 40 minutos, antes de declarar a morte do rapaz. A corporação mobilizou quatro mergulhadores para atuarem no resgate.
Leia também: VEÍCULO CAPOTA EM FRENTE A UNIEURO NA L4 SUL

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.