ROOSEVELT VILELA: OU COMANDO REVOGA A AVALIAÇÃO PARA GSV OU REVOGAREMOS COM UM DECRETO LEGISLATIVO



Por Bombeiros DF
Em sessão ordinária realizada nesta quinta-feira(7) na Câmara Legislativa, o deputado distrital, Roosevelt Vilela, tomou a tribuna para falar que o comando do Corpo de Bombeiros insiste em  desrespeitar e maltratar os militares da corporação.
O comandante do CBMDF Cel. Emilson exigiu que militares que realizam Serviço Voluntário – GSV terão que realizar uma avaliação para que sejam habilitados a tirar o serviço.
Para Roosevelt Vilela qualquer tipo de teste que possa melhorar a qualidade do serviço junto a comunidade é sempre bem vinda, porém o deputado ressalta que os requisitos exigidos para a prova não respeita critérios mínimos, não diferenciando o teste para o bombeiro masculino ou feminino, pedindo assim uma atenção especial da procuradora da Mulher na CLDF, deputada Júlia Lucy(Novo), como também não diferencia o teste para o bombeiro que tem 25 anos ou 50 anos.
Para realizar a prova o militar precisa ter um equipamento específico e os militares que conduzem as viaturas do CBMDF não possuem este equipamento, ficando assim impedidos de realizarem a prova.
Para o deputado a prova é para "super homem" e não avalia a capacidade técnica do Bombeiro Militar, criando assim uma competição interna dentro da corporação, o que não influencia na prestação de serviço junto a população.
Ao finalizar seu pronunciamento, o deputado Roosevelt Vilela foi reto e direto clamando ao comandante geral do CBMDF para que reveja os seus atos ou pela primeira vez na história será apresentado um decreto legislativo contra ato de um comandante da corporação.
Assista o pronunciamento:
  

2 comentários:

  1. Infelizmente elitizaram a GSV,tem bombeiros que não conseguem tirar Csv e tem que trabalhar todo dia servindo a comunidade enquanto outros fazer de 10 a 15 Gsv s e no dia de serviço pegam atestados porquê não aguenta de tanta gsv que tira, dou uma sugestões dívida às Gsv a igualmente para todos os BJs, exija TAF E inspeção de saúde e pronto .treinamento todos devem fazer

    ResponderExcluir
  2. Sou membro do CBMDF,em relação a GSV concordo com o nobre dep. não deveria condicionar o teste para habilitar o BM para o serviço de GSV. Todavia falar que o teste é para super homem, não passa de uma falácia. Quando há um incêndio pro cidadão, não interessa se o BM é do gênero x ou y, se tem 25 ou 50 anos, ele tem é que fazer o serviço se possível bem feito, treinado ou não, se toca instrumento ou se só fica na cabine da viatura. Num FD DEP...... Começou bem........fanfarrão.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.