FIM DA PEC DA BENGALA PODE COLOCAR QUATRO NOVOS MINISTROS NO STF


Por República de Curitiba
Muito tem se falado sobre a dita ‘PEC da bengala’, alguns contra, outros a favor, e assim segue o assunto pautando o debate brasileiro em diversos momentos atuais.
Pois bem, a tal PEC foi aprovada em 2015, e foi sugerida por Pedro Simon do PMDB. A medida consiste no aumento de idade para os ministros que até então se aposentavam com 70 anos, e agora se largam a função com 75.
Caso a PEC fosse revogada, o presidente Jair Bolsonaro poderia indicar 4 ministros, ao invés dos dois já programados, que são Celso de Mello, que sairá em 2020, e no ano seguinte, Marco Aurélio de Mello. Além destes, seria possível substituir Rosa Weber e Ricardo Lewandowski.
A composição atual das indicações ao STF é a seguinte: José Sarney, Fernando Collor, Fernando Henrique Cardoso e Michel Temer indicaram 1 ministro cada um, que totaliza 4 ministros. Lula indicou 3 ministros e Dilma indicou 4.

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.