An-BLmwr-Imgur-1

INFRAMERICA PODE PERDER CONCESSÃO DO AEROPORTO DE BRASÍLIA


Ex-CEO disse ter pago propina a amigo de Temer: contrato prevê a anulação da concessão
Ex-chefe da Engevix e ex-CEO da Inframerica, José Antunes Sobrinho admitiu em delação à Polícia Federal, em 2018, haver pago propina de R$1 milhão ao Coronel Lima, amigo do ex-presidente Michel Temer, para obter a concessão do Aeroporto de Brasília. Isso pode anular o contrato de concessão do aeroporto, segundo a Lei Anticorrupção e o contrato da Inframerica com a União e agência reguladora Anac, que determina sua “caducidade” em caso de envolvimento com corrupção. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
O artigo 13.17.3 (Seção III) do contrato entre Inframerica e União prevê sua “caducidade” (a perda do valor) em casos de fraude ou corrupção.
A Lei Anticorrupção (12.846/13) prevê multas e proíbe empresas enroladas em corrupção de contratar com o Poder Público.
O artigo 5°da Lei Anticorrupção prevê a punição no caso de “vantagem indevida a agente público”, como confessou o ex-CEO da Inframerica.
A Inframerica informou desconhecer o teor da delação e diz que não vai comentar. Mas garante observar todas as regras internas e as leis.
Fonte: https://diariodopoder.com.br/corrupcao-pode-fazer-inframerica-perder-concessao-do-aeroporto-de-brasilia/

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.