.

ARAÚJO DIZ QUE MUNDO TEM INVEJA DO ACESSO DO BRASIL A TRUMP


Chefe do Itamaraty disse que a reunião que teve no último fim de semana com Trump foi um claro sinal de reaproximação entre Brasil e EUA.
Por Tarciso Morais 
Em entrevista alguns dias depois de visitar a Casa Branca, o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, disse que a reunião que teve no último fim de semana com o presidente norte-americano, Donald Trump, e o deputado federal Eduardo Bolsonaro foi um claro sinal de reaproximação entre Brasil Estados Unidos.
Araújo disse que Trump dará tratamento especial ao filho do presidente da República, Jair Bolsonaro, caso ele seja confirmado como embaixador em Washington:
É raríssimo o presidente dos EUA receber quem não seja presidente ou chefe de estado. Indica uma posição muito especial da nossa relação. Ficou claro que Eduardo Bolsonaro será muito bem-vindo e terá acesso direto aos círculos mais altos e ao próprio Trump.”
O presidente dos EUA chama muito poucos embaixadores pelo primeiro nome, acrescentou Araújo, e outros países “têm inveja, caso venha se concretizar isso, de o Brasil ter em Washington um embaixador que terá seguramente o nível de acesso que o Eduardo terá”.
Fonte: Renova Mídia

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.