MISSA DE SÉTIMO DIA DE MARIZELLI EMOCIONA FAMÍLIA E COLEGAS DE FARDA


Bombeira foi atingida por uma árvore e fios da rede elétrica enquanto combatia um incêndio em Taguatinga
Por Fernando Caixeta
A missa de sétimo dia da bombeira Marizelli Armelinda Dias, 31 anos, reuniu centenas de familiares, amigos e colegas de corporação na capela do Corpo de Bombeiros, na noite deste sábado (21/09/2019). A militar morreu após ter sido atingida por uma árvore e fios de alta tensão, enquanto atendia a uma ocorrência de incêndio, no domingo 15 de setembro, na QNL 2, em Taguatinga.
A cerimônia, celebrada pelo padre Fernando Rebouças, emocionou os presentes. Ele focou na missão profissional que Marizelli escolheu: a de salvar vidas. “A morte pelo bem do próximo é a atitude mais nobre que pode ocorrer a um cristão. É a mesma de Jesus Cristo, nosso Senhor, que morreu crucificado pelo bem de todos nós”, disse o religioso.
Fonte: Metrópoles


Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.