EM RORAIMA, 15 CIDADES CORREM ALTO RISCO DE PROLIFERAÇÃO PELO AEDES AEGYPTI


Quinze municípios de Roraima apresentaram alto risco de proliferação do mosquito.
Os dados são do LIRA – o Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti.
De acordo com relatório, Boa Vista, Caracaraí, Iracema, Rorainópolis e São João da Baliza foram as cidades que apresentaram os maiores percentuais de infestação do transmisso. A maior pontuação foi para Caracaraí, com índice de 9,6.
Já os municípios de Alto Alegre, Cantá, Caroebe, Mucajaí, Pacaraima e São Luiz apresentam médio risco para uma epidemia de doenças transmitidas pelo mosquito. O índice nesses municípios variou entre 1,7 e 3,4.
Amajari, Bonfim, Normandia e Uiramutã foram as cidades que apresentaram baixo risco de infestação do Aedes, com índices entre 0,4 e 0,9.
Ainda de acordo com o LIRA, a grande maioria dos criadouros do mosquito está nas residências - em depósitos que facilitam o acúmulo de água parada, como vasos de plantas; lixo doméstico; e tanques de armazenamento de água e nos poços.
Neste ano, até agosto, foram registrados no Estado mais de 1,2 mil notificações de casos de dengue. Dessas, 309 suspeitas deram positivo para a doença.
Já para a chikungunya, no mesmo período, foram 214 notificações. Cinco deram positivo para a doença.
Fonte: Agência Brasil

Um comentário:

  1. Triste esse é o retrato do Brasil do atraso deixado pela esquerda brasileira. PT & CIA.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.