NOVA ESQUERDA: VEJA FAZ CAPA “ABAIXO A DITADURA” PICHADA EM 2019



Depois de ter sido comprada pelo BTG de André Esteves para parar de elogiar a Lava Jato, a ex-revista Veja virou porta-voz da ala mais nóia da Nova Esquerda
Por Carlos Eduardo
O ano é 2019, mas o fetiche da ditadura não sai da mente de esquerdistas e novos esquerdistas que, como não acertam uma mísera análise, fazem de tudo para inventar crises no governo. A insistência em atribuir ao governo fascismo, ditadura, nazismo, tem enlouquecido as redações da imprensa jeca.
O importante não é o Brasil crescer. Mesmo com índices abaixo de zero do governo Dilma, a mídia fez de tudo para manter aquele ar de governabilidade sustentável, indicando um futuro promissor, enquanto o pobre começava a olhar para seus bichinhos de estimação de um jeito um tanto faminto.
A revista Veja, que já foi a única revista a expor a sujeira que havia por trás das cortinas floridas das gestões petistas, embarcou, sob nova direção, na onda jeca das mídias de esquerda. Com um time de primeira para os padrões manicomiais, a revista agora vê ditadura em casa esquina. E espalha em cada banca, sua paixão pelo tema.

Essa é capa da última edição da revista. É um primor de não-informação.

Fonte: Senso In Comum
Leia também: BOLSONARO: GESTÃO DE WEINTRAUB É DE EXCELÊNCIA

Postar um comentário

2 Comentários

  1. Verdade. Não se conformam quando não lhes dão gordas quantias do dinheiro do povo. São lixo. Não convencem mais os brasileiros.

    ResponderExcluir
  2. Mídia porca. Sempre iludindo os incautos!!🤷‍♀️

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.