COM 33 INTERNADOS PREFEITURA DE SP PRETENDE FECHAR HOSPITAL DE CAMPANHA DO PACAEMBU

Por Cesar Sacheto
Decisão, que deve ser anunciada pela gestão municipal nesta terça-feira (23), representa um ato emblemático na estratégia de combate à covid-19.
A Prefeitura de São Paulo deverá fechar o HCamp (Hospital de Campanha) do Pacaembu, na zona oeste da cidade. A decisão deverá ser anunciada oficialmente nesta terça-feira (23). Inaugurada no início de abril, a unidade foi resultado de uma parceria entre a gestão municipal e a inciativa privada para receber pacientes infectados pela covid-19.
A informação, que foi publicada pelo site da Revista Veja e confirmada pela reportagem do R7, revela uma mudança emblemática no enfrentamento da crise sanitária por parte das autoridades municipais.
De acordo com o balanço divulgado no site da prefeitura, até às 12h desta segunda-feira (22), havia apenas 33 pessoas internadas, todas em leitos de enfermaria. Ainda segundo as informações oficiais, 1.195 doentes receberam alta do HCamp Pacaembu desde a sua inauguração até o início desta semana.
A estrutura, construída em sete dias, é dotada de 200 leitos de baixa complexidade, 16 pontos de UTI. Com uma equipe formada por 520 de profissionais de saúde que atuam em 13 categorias diferentes, o hospital tinha a missão de aliviar a internação em postos médicos regulares durante a pandemia.
Atualmente, a capital paulista possui quatro hospitais de campanha em atividade: Anhembi, Pacaembu, Ibirapuera e Heliópolis.
Fonte: R7

Postar um comentário

0 Comentários