MOURÃO E MILITARES INSATISFEITOS COM DECLARAÇÃO DE GILMAR

Os termos foram fora do tom, foi infeliz”, diz Mourão sobre fala de Gilmar.
No último domingo (12), o Ministério da Defesa reagiu às críticas do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, através da publicação de uma nota sobre o trabalho das Forças Armadas durante a pandemia de coronavírus.
No entanto, apesar do posicionamento do ministro Fernando Azevedo, o clima ainda está pesado entre Gilmar e os comandantes do ExércitoMarinha Aeronáutica, informa a revista Veja.
No último sábado (11), durante um debate online, o magistrado fez críticas à ocupação por militares de postos-chave no Ministério da Saúde e afirmou que o Exército está se associando a um “genocídio”.
Em conversa com a jornalista Andréia Sadi, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, disse que os comentários de Gilmar foram “fora do tom”
“Pode criticar a gestão, ele está no direito dele. Mas os termos foram fora do tom, foi infeliz”, acrescentou o general.
Fonte: Renova Mídia

Postar um comentário

2 Comentários

  1. K vcs estão esperando pra agir, pra punir esses bandidos ladrões vendedores de sentenças, Vcs generais são autoridade maior k esses vagabundos vestido de toga estão do msm lado ??? O povo brasileiro já estão desconfiando de vcs se estarem corrompidos tbm!!! Já não se faz exercito como antigamente ... 1964 tempos bom de amor a pátria

    ResponderExcluir
  2. Nao acho q todos os generais estao corrompidos, nao devamos generalizar pq alguns se venderam no governo passado, nao sao todos é mt diferente. Tem homens de bem e integros e comprometidos com o BRASIL..

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.