NY POST SEGUE IMPEDIDO DE FAZER PUBLICAÇÕES NO TWITTER

"Eles têm que fazer login em sua conta e excluir o tuíte original”, disse o CEO do Twitter.
Jack Dorsey, CEO do Twitter, afirmou que o perfil do jornal New York Post permanecerá bloqueado até que exclua o tuíte original com a reportagem contendo e-mails do empresário Hunter Biden, filho do candidato democrata Joe Biden.
Dias atrás, durante o depoimento de Dorsey em audiência no Parlamento dos EUA, o senador Ted Cruz, do Partido Republicano, criticou o Twitter, dizendo que a empresa tomou a “decisão unilateral de censurar” o NY Post.
Questionado por Cruz sobre a razão do NY Post permanecer bloqueado por várias semanas, Dorsey foi enfático ao dizer que o jornal está bloqueado porque não excluiu o tuíte:
“Eles têm que fazer login em sua conta, o que podem fazer neste minuto, excluir o tuíte original, e eles podem tuitar exatamente o mesmo material … e vai passar.”
Dorsey ainda se desculpou publicamente pela forma como a empresa lidou com a situação e disse que bloquear links com a reportagem era “errado”.
Em editorial publicado na última quarta-feira (28), o jornal New York Post acusou o Twitter de usar uma clara estratégia de chantagem:
“O Twitter está executando uma operação de chantagem — coopere ou nenhum tráfego para você.”
Fonte: Renova Mídia

Postar um comentário

0 Comentários