BOLSONARO GARANTE QUE VAI VETAR VENDA DE TERRAS A ESTRANGEIROS

Por Afonso Maragoni
Projeto do senador Irajá Abreu foi aprovado no Senado e segue para a Câmara dos Deputados
O presidente Jair Bolsonaro garantiu na quinta-feira 24, que, caso seja aprovado pelo Congresso, vai vetar um projeto de lei que facilita que estrangeiros comprem propriedades rurais no Brasil.
Pelas redes sociais, o presidente voltou ao tema na sexta-feira 25 afirmando: “Eu já me decidi caso o PL seja aprovado no Congresso. E você, qual a sua opinião?”
Não pode acontecer isso no Brasil. Passou no Senado, vai para a Câmara e, se a Câmara aprovar, tem o veto meu. Aí o Congresso vai derrubar ou não o veto. Falta patriotismo para nós. Não podemos permitir que o Brasil seja comprado”, destacou Bolsonaro na live de quinta-feira 24.
O projeto do senador Irajá Abreu (PSD-TO) foi aprovado no Senado no dia 15 de dezembro e segue para a Câmara dos Deputados.
A proposta revoga lei de 1970 que regula a aquisição de imóvel rural por estrangeiros. Cidadãos ou empresas de outra nacionalidade poderão comprar áreas rurais até o limite de 25% do território do município.
Há restrições maiores para terrenos localizados na região da Amazônia e também em áreas de fronteiras.
Fonte: Revista Oeste

Postar um comentário

2 Comentários

  1. Acho legal isso por que então viramos escravos dos estrangeiro onde mão de obra de serviço no Brasil e muito barato vaqueiro operadores de máquinas pesadas enfim toda mão de obra na abertura de fazendas

    ResponderExcluir
  2. Fora aos estrangeiros , sem terra aqui Já nos roubam aos montes imagina com terras.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.