Banner Acima Menu INTERNAS

- PUBLICIDADE -

Núcleo Bandeirante ganha equipamentos públicos para todas as idades

A sexta-feira (18) foi marcada por entregas importantes aos moradores no Núcleo Bandeirante, a primeira cidade do Distrito Federal a ser ocupada pelos pioneiros que construíram a capital.
Durante a agenda de compromissos, o governador Ibaneis Rocha entregou a reforma do Centro de Convivência de Idosos (CCI) e inaugurou a Escola Parque da Natureza e Esporte. Juntos, esses espaços receberam um investimento superior a R$ 5 milhões e vão ser utilizados por públicos de todas as idades, da criança ao idoso.
A escola parque vai beneficiar inicialmente 2,3 mil estudantes do Núcleo Bandeirante e de cidades vizinhas como Candangolândia, Park Way, Riacho Fundo e Riacho Fundo II. Futuramente, poderá abrigar até 5 mil alunos. O local teve reformados os prédios administrativos, quadras poliesportivas, piscinas, vestiários, pista para prática de skate e campos.
“Os estados pararam e colocaram a culpa na pandemia; nós, não”, declarou Ibaneis. “Nós arregaçamos as mangas para reformar todas as escolas do DF. Eu passava aqui nesse espaço, um dos melhores da cidade, e não entendia vê-lo abandonado, sendo que poderia ser um espaço aproveitado. Agora ele está reformado, vai ser ocupado e vira um legado para muitas gerações. As crianças aqui vão poder dizer que estudaram em uma das melhores escolas do DF”.
Escola parque
A unidade educacional recebeu investimento de R$ 4,9 milhões, o que deu uma cara nova ao local, antes abandonado. Agora, o espaço é devolvido à comunidade ao ser transformado em uma escola parque, administrada pela Secretaria de Educação (SEE).
“As escolas parque recebem as atividades complementares de ensino e fazem o aluno ter a aprendizagem completa”, explicou a secretária de Educação, Hélvia Paranaguá. “São muito importantes para o ensino.”
Responsável pelas emendas parlamentares que permitiram a reforma dos dois espaços, o deputado distrital Hermeto destacou a recuperação do parque em um espaço aproveitável pela comunidade: “Era um parque abandonado que se transformou em uma escola. O terreno passou para responsabilidade da Secretaria de Educação, e pude participar com as emendas para ver essa escola parque sair do papel. Fui aluno das escolas públicas do Núcleo Bandeirante, e é motivo de orgulho para mim ver um espaço como esse”.
Espaço para idosos
O Centro de Convivência de Idosos, por sua vez, ganhou reforma em telhado, piso, portas, janelas e pinturas para poder receber o público dessa faixa etária. Com capacidade para mais de 200 pessoas, contou com investimento de R$ 350 mil, originário de emenda parlamentar do deputado distrital Hermeto.
Presidente do Centro de Convivência de Idosos há 16 anos, Iria Miquelin Franzin, 87, se disse orgulhosa da reforma e do cuidado com os frequentadores. “Trabalhamos aqui com mais de 200 idosos”, contou. “Chovia muito aqui e estava sem condições de utilização. Aqui temos alfabetização, tai chi chuan, cinema e outras atividades que trazem entusiasmo a todos eles. Na reforma foi trocado o telhado, instalado PVC, ganhamos uma iluminação nova e o piso foi trocado. Uma reforma desse porte nunca aconteceu aqui”.
Frequentador do CCI, o aposentado Francisco Assis de Freitas, 61, observava atentamente cada detalhe da obra. “Aqui é muito bom”, disse. “Gosto de vir para o baile da terceira idade e para o forró, que estão suspensos por conta da pandemia, mas esperamos voltar o quanto antes. Frequento aqui há quatro anos, e essa reforma foi ótima. O espaço estava decadente”.
Ações do GDF no Núcleo Bandeirante
* Reforma da Feira do Núcleo Bandeirante (em andamento)
* Eficientização de iluminação pública na Vila Divineia
* Implantação de papa-lixos
* Recuperação asfáltica na via em frente à Feira Permanente do Núcleo Bandeirante
*Iluminação pública no campo de futebol da Vila Cauhy
* Implantação de iluminação pública na área verde da EPNB
* Construção de escada ao lado da EPNB, próximo à placa da Mercedes
* Reforma da Biblioteca Pública
* Reforma do Salão Comunitário
* Reforma do Auditório Garcia Neto

Postar um comentário

0 Comentários