Banner Acima Menu INTERNAS

Filho de Lula “defende” ladrões e culpa Bolsonaro por assalto

Por Henrique Gimenes
Luís Cláudio rebateu ironias feitas por Eduardo Bolsonaro e disse que a família do presidente "não tem vitórias para comemorar"
Nesta quinta-feira (19), Luís Cláudio, filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, rebateu as ironias feitas pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) por causa de um assalto que sofreu. Nas redes sociais, o filho do petista culpou o presidente Jair Bolsonaro por ser “incompetente” e fazer do Brasil um lugar “onde crianças precisam assaltar para poder se alimentar”.
O crime foi cometido contra Luís Cláudio na noite desta terça (17) na Zona Sul de São Paulo. Na ocasião, o filho de Lula estava parado em um semáforo, quando quatro homens o abordaram e exigiram o celular dele e de uma mulher que estava no carro. As vítimas, no entanto, encontraram uma patrulha policial próxima ao local e alertaram sobre o crime. Os agentes conseguiram localizar os criminosos, que têm entre 15 e 17 anos, e recuperaram os telefones.
Após o episódio, Eduardo Bolsonaro questionou se o assalto era “expropriação” ou “100 anos de perdão”, o que gerou a reação do filho de Lula.
– Dudu bananinha é um ser desprezível mesmo! Se estamos vivendo num Brasil violento e necessitado, onde crianças precisam assaltar para poder se alimentar, a culpa é do incompetente do seu pai! São mais de 16 milhões de desempregados desesperados para alimentar suas famílias – apontou.
Na sequência, Luís Cláudio disse acreditar que adolescentes cometem crimes por necessidades e disparou críticas contra o presidente e sua família por comemorarem “a desgraça dos outros”.
– E sim, eu não acredito que adolescentes cometam crimes por que gostam. Eles cometem crimes porque temos um governo federal omisso, que não liga para a população. Que não compra vacina, que não cria projetos sociais, que não cria emprego e que não faz a economia girar. Família nojenta que comemora a desgraça dos outros. Também é o que resta né, é uma família que não tem vitórias para comemorar. Um patriarca egocêntrico, incapaz e limitado não teria como criar uma família de forma decente – destacou.

Fonte: Pleno News
Receba de forma ágil todo o nosso conteúdo, através do nosso canal no Telegram!


Postar um comentário

0 Comentários