Header Ads

REQUISITOS PARA INGRESSO NO CBMDF

O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal informa sobre os requisitos para o ingresso na Corporação a todos que desejarem ser um bombeiro militar, nos quadros de:
- Oficiais Combatentes;
- Oficiais Complementares;
- Bombeiro Militar Geral Operacional (QBMG-1);
- Bombeiro Militar Geral Condutor e Operador de Viatura (QBMG- 2).

Informações complementares na Comissão de Concursos Externos, no telefone 3901-8706.
- Quadro de Oficiais Combatentes
O candidato à habilitação para matrícula no Curso de Formação de Oficiais Bombeiros Militares deverá satisfazer aos seguintes requisitos, a serem comprovados na data de convocação para o ingresso no CBMDF:
I – ser brasileiro;
II – ser voluntário;
III – possuir, no mínimo, 18 (dezoito) anos e, no máximo, 28 (vinte e oito) anos de idade até a data da matrícula no curso;
IV – apresentar diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação;
V – estar em dia com as obrigações perante a Justiça Eleitoral;
VI – estar em dia com as obrigações do Serviço Militar, se for do sexo masculino;
VII – não possuir antecedentes criminais ou morais que contraindiquem o seu ingresso na Corporação.
VIII – se reservista, ter sido licenciado e excluído da última organização militar em que serviu, estando classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”;
IX – não ter sido considerado isento do Serviço Militar, seja por licenciamento ou exclusão de organização militar a bem da disciplina, seja por incapacidade física ou mental definitiva, condição esta a ser comprovada pelo certificado militar que recebeu;
X – não ter sido julgado, em inspeção de saúde, incapaz definitivamente para o serviço do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou Polícia Militar;
XI – se ex-aluno de estabelecimento de ensino de formação de oficiais ou de praças do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou Polícia Militar, não ter sido desligado por motivo disciplinar, tendo sido classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”, por ocasião do seu desligamento;
XII – ter pago a taxa de inscrição;
XIII – possuir, com os pés nus e a cabeça descoberta, no mínimo, 1,55 m de altura para o sexo feminino e 1,60 m de altura para o sexo masculino;
XIV – sujeitar-se ao regime escolar da Academia de Bombeiros Militar (ABMIL), internato, e às demais exigências previstas no currículo escolar comum a todos os alunos;
XV – sendo civil, não possuir qualquer vínculo empregatício no ato da matrícula no curso;
XVI – possuir aptidão psicológica, física e idoneidade moral que o recomendem ao ingresso na carreira de Oficial do CBMDF;
XVII – não ser portador das condições incapacitantes estabelecidas no edital de abertura do certame;
XVIII – possuir Carteira Nacional de Habilitação CNH, no mínimo categoria “B”.

- Quadro de Oficiais Complementares
O candidato à inscrição ao concurso para os Quadros de Oficiais BM de Saúde e Complementar deve satisfazer, além dos requisitos próprios de cada especialidade, os seguintes requisitos a serem comprovados até a data da nomeação:
I - ser brasileiro;
II - ser voluntário;
III - para o Quadro de Oficiais BM de Saúde e para o Quadro de Oficiais BM Complementar ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior na área de formação a qual concorre, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo órgão competente bem como registro profissional no órgão de classe competente;
IV - ter idade mínima de 18 (dezoito) anos e, no máximo, 35 (trinta e cinco) anos de idade até a data da matrícula no curso;
V - se militar da ativa; possuir parecer favorável à inscrição por seu comandante, chefe ou diretor de Organização Militar (OM); além disso, no caso de praça, estar classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”;
VI - se reservista, ter sido licenciado ou excluído da última OM em que serviu, estando classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”;
VII - não ter sido considerado isento do Serviço Militar, seja por licenciamento ou exclusão de OM a bem da disciplina, seja por incapacidade física ou mental definitiva, condição esta a ser comprovado pelo certificado militar que recebeu;
VIII - não ter sido julgado, em inspeção de saúde, incapaz definitivamente para o serviço do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou de Polícia Militar;
IX - se ex-aluno de estabelecimento de ensino de formação de oficiais ou de praças do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou de Polícia Militar, não ter sido desligado por motivo disciplinar, tendo sido classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”, por ocasião do seu desligamento;
X - estar em dia com suas obrigações perante o Serviço Militar (para candidatos do sexo masculino) e a Justiça Eleitoral;
XI - não possuir antecedentes criminais ou morais que contraindiquem o seu ingresso na Corporação;
XII - possuir, com os pés nus e a cabeça descoberta, no mínimo, 1,55 m de altura para o sexo feminino e 1,60 m de altura para o sexo masculino;
XIII - possuir aptidão psicológica, física e idoneidade moral que o recomendem ao ingresso na carreira de Oficial do CBMDF;
XIV - não ser portador das condições incapacitantes estabelecidas no edital de abertura do certame;
XV - possuir Carteira Nacional de Habilitação, no mínimo, categoria “B".

- Qualificação de Bombeiro Militar Geral Operacional (QBMG- 1)
O candidato à inscrição no concurso deverá satisfazer aos seguintes requisitos a serem comprovados até a data de sua matrícula:
I – ser brasileiro;
II – ser voluntário;
III – possuir, no mínimo, 18 (dezoito) anos e, no máximo 28 (vinte e oito) anos de idade até a data da matrícula no Curso de Formação de Praças;
IV – ter concluído curso de nível superior, até o momento do ingresso e matrícula no CFPBM;
V – estar em dia com as obrigações perante a Justiça Eleitoral;
VI – estar em dia com as obrigações do Serviço Militar se for do sexo masculino;
VII – não possuir antecedentes criminais ou morais que contraindiquem o seu ingresso na Corporação;
VIII – se reservista, ter sido licenciado e excluído da última organização militar em que serviu, estando classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”;
IX – não ter sido considerado isento do Serviço Militar, seja por licenciamento ou exclusão de organização militar a bem da disciplina, seja por incapacidade física ou mental definitiva, condição esta a ser comprovada pelo certificado militar que recebeu;
X – não ter sido julgado, em inspeção de saúde, incapaz definitivamente para o serviço do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou Polícia Militar;
XI – se ex-aluno de estabelecimento de ensino de formação de oficiais ou de praças do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou Polícia Militar, não ter sido desligado por motivo disciplinar, tendo sido classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”, por ocasião do seu desligamento;
XII – ter efetuado o pagamento da taxa de inscrição;
XIII – possuir, com os pés nus e a cabeça descoberta, no mínimo, 1,55 m de altura para o sexo feminino e 1,60 m de altura para o sexo masculino;
XIV – sujeitar-se ao regime escolar do CEFAP, inclusive internato, e às demais exigências previstas no currículo escolar comum a todos os alunos;
XV – sendo civil, não possuir qualquer vínculo empregatício no ato da matrícula no curso;
XVI – possuir aptidão psicológica, física e idoneidade moral que o recomendem ao ingresso na carreira de Bombeiro Militar do CBMDF;
XVII – Possuir Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “B” no ato do ingresso;
XVIII – não ser portador das condições incapacitantes evidenciadas estabelecidas no edital de abertura do certame.

- Qualificação de Bombeiro Militar Geral Condutor e Operador de Viatura (QBMG- 2)
O candidato à inscrição no concurso deverá satisfazer aos seguintes requisitos a serem comprovados até a data de sua matrícula:
I – ser brasileiro;
II – ser voluntário;
III – possuir, no mínimo, 18 (dezoito) anos e, no máximo 28 (vinte e oito) anos de idade até a data da matrícula no Curso de Formação de Praças;
IV – ter concluído curso de nível superior, até o momento do ingresso e matrícula no CFPBM;
V – estar em dia com as obrigações perante a Justiça Eleitoral;
VI – estar em dia com as obrigações do Serviço Militar se for do sexo masculino;
VII – não possuir antecedentes criminais ou morais que contraindiquem o seu ingresso na Corporação;
VIII – se reservista, ter sido licenciado e excluído da última organização militar em que serviu, estando classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”;
IX – não ter sido considerado isento do Serviço Militar, seja por licenciamento ou exclusão de organização militar a bem da disciplina, seja por incapacidade física ou mental definitiva, condição esta a ser comprovada pelo certificado militar que recebeu;
X – não ter sido julgado, em inspeção de saúde, incapaz definitivamente para o serviço do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou Polícia Militar;
XI – se ex-aluno de estabelecimento de ensino de formação de oficiais ou de praças do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Corpo de Bombeiros Militar ou Polícia Militar, não ter sido desligado por motivo disciplinar, tendo sido classificado, no mínimo, no comportamento “BOM”, por ocasião do seu desligamento;
XII – ter efetuado o pagamento da taxa de inscrição;
XIII – possuir, com os pés nus e a cabeça descoberta, no mínimo, 1,55 m de altura para o sexo feminino e 1,60 m de altura para o sexo masculino;
XIV – sujeitar-se ao regime escolar do CEFAP, inclusive internato, e às demais exigências previstas no currículo escolar comum a todos os alunos;
XV – sendo civil, não possuir qualquer vínculo empregatício no ato da matrícula no curso;
XVI – possuir aptidão psicológica, física e idoneidade moral que o recomendem ao ingresso na carreira de Bombeiro Militar do CBMDF;
XVII – Possuir Carteira Nacional de Habilitação no mínimo com categoria tipo “D” no ato do ingresso;
XVIII – não ser portador das condições incapacitantes evidenciadas estabelecidas no edital de abertura do certame.


2 comentários:

  1. Seria isso um sinal de que o edital está perto? Kkk
    Tomara!

    ResponderExcluir
  2. para conclui a escriçao e preciso curso superior.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.