ADVOGADO-GERAL DA UNIÃO MANDA RECADO PARA JOÃO DORIA: “ABUSO E ARBÍTRIO NÃO SÃO FINS EDUCATIVOS”

O Advogado-Geral da União, André Mendonça, divulgou uma nota neste sábado, em que adverte governadores e prefeitos para não adotarem medidas isoladas não fundamentadas em normas técnicas emitidas pelo Ministério da Saúde.
Mendonça diz que a Advocacia-Geral da União aguarda informações do ministro da saúde e da Anvisa para propositura de medidas judiciais cabíveis com o objetivo de garantir a ordem democrática, bem como da uniformidade das medidas de prevenção ao novo Coronavírus.
André Mendonça não citou nomes, mas segundo o portal O Antagonista, que publicou a matéria, o recado é primeiramente para João Dória, o que toma mais medidas contraditórias.
Antagonista ainda afirma que o Advogado-Geral da União disse:
Como Advogado-Geral da União, defendo que qualquer medida deve ser respaldada na Constituição Federal e capaz de garantir a ordem e a paz social. Medidas isoladas, prisões, de cidadãos e restrições não fundamentadas em normas técnicas emitidas pelo Ministério da Saúde e pela Anvisa abrem caminho para o abuso e o arbítrio. Por fim,  medidas de restrição, deve ter fim educativos e preventivos e não de repressividade, autoritárias ou arbitrários”.
O momento é de bom senso e de responsabilidade de todos disse.
Fonte: NBO

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

disqus'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.