MPF INVESTIGARÁ “SUPERNOTIFICAÇÃO” DE MORTES EM SP

Investigação foi aberta após representação do senador Flávio Bolsonaro
Após uma representação do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), o Ministério Público Federal (MPF) iniciou uma investigação sobre as mortes ocorridas por Covid-19 em São Paulo. No documento, o parlamentar afirmou que está acontecendo “uma supernotificação” de óbitos pela doença.
De acordo com Flávio, médicos em ambulâncias de SP estariam registrando morte por Covid-19 mesmo a realização de exames. A medida, de acordo com ele, seria uma recomendação do governo do estado e da Prefeitura de São Paulo com o objetivo de “manipular os dados para desgastar politicamente o presidente [Jair Bolsonaro] e as suas orientações frente ao combate ao coronavírus”.
Em relatório, a subprocuradora-geral da República, Lindôra Maria Araújo, apontou que “os fatos narrados são extremamente graves e devem ser apurados em razão da possível repercussão constitucional e criminal que envolvem”.
Ela também pediu explicações do governador João Doria e do prefeito da capital, Bruno Covas.
Fonte: Pleno News

Postar um comentário

4 Comentários

  1. E uma pouca vergonha esse Brasil nosso era para ser um país de quase primeiro mundo em inteligência mais a maldita política suja vem afetando pior que a divid 19 alastrando junto com a doença de corrupção não acaba .esses políticos deveria de ter vergonha de criar um caos desse vindo dos quinto do inferno da china pra atingir todos os países .que não tem culpa com a guerra de política matando pessoas inocentes por falta de responsabilidade dos envolvidos por essas mortalidade falta de competência em geral dos responsáveis pelo esse ato imperdoável e criminoso

    ResponderExcluir
  2. Será mesmo que vai haver uma investigação imparcial?

    ResponderExcluir
  3. É obvio que esta acontecendo isso. Pior é imaginar que médicos se prestam a uma sujeira dessa.

    ResponderExcluir
  4. Eu duvido, aí é cobra engulindo cobra

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.