BOLSONARO: “QUEM QUEIMA A BANDEIRA NACIONAL E TERRORISTA”

Por Tarciso Morais
“Quem promove o caos, queima a bandeira nacional e usa da violência como uma forma de ‘protestar’ é terrorista sim!”, diz Bolsonaro.
O presidente da República, Jair Bolsonaro, reforçou, nesta quarta-feira (3), o seu posicionamento sobre os últimos atos de violência promovidos por autodenominados “antifascistas”.
Em mensagem no Twitter, o chefe do Executivo cita uma reportagem do jornal Estadão com o título: “Bolsonaro chama manifestantes contra seu governo de ‘terroristas’”, e acrescenta:
Quem promove o caos, queima a bandeira nacional e usa da violência como uma forma de ‘protestar’ é terrorista sim! Manifestante, contra ou a favor do governo, é outra coisa.”
No início do dia, Bolsonaro já havia se referido aos membros da ANTIFA como “marginais” e “terroristas”:
Começou aqui com os ‘antifas’ em campo. São marginais, terroristas, no meu entender. Eles têm ameaçado, no domingo, fazer movimentos pelo Brasil, em especial aqui no Distrito Federal.
Fonte: Renova Mídia
Leia também:

4 comentários:

  1. CERTÍSSIMO PRESIDENTE!!!’ SÃO TERRORISTAS SIM !!! E MERECEM SER EXPULSOS DO PAÍS !!!

    ResponderExcluir
  2. Sr Presidente não tolerar isso terrorista tem que baixar o pau e prender todos

    ResponderExcluir
  3. Sr Presidente não tolerar isso terrorista tem que baixar o pau e prender todos

    ResponderExcluir
  4. O FBI capturou um grupo de pessoas em Miami e em outras cidades dos Estados Unidos durante atos de vandalismo que iniciaram neste final de semana, após a morte de George Floyd.

    Os participantes do grupo vieram do Haiti, Venezuela, Cuba e Honduras. Eles foram interrogados pelo FBI e admitiram ter recebido dinheiro de ativistas em Cuba e Venezuela para participar e gerar o caos nos Estados Unidos.

    Segundo o portal de notícias First Report, vários destes detidos são residentes da área de Miami conhecida como Little Haiti, que admitiram receber pagamentos para participar dos distúrbios no centro de Miami entre sexta e sábado.

    As autoridades norte-americanas estão investigando se as pessoas que fizeram pagamentos para promover distúrbios têm vínculos com agências de inteligência estrangeiras, tanto da Venezuela quanto de Cuba.

    “Definitivamente, há pessoas associadas à Venezuela que fizeram viagens a pessoas em várias cidades dos Estados Unidos para promover o caos”, disse um informante do jornal Ocando, First Report .

    Em outubro do ano passado, vários países da América do Sul como Chile, Equador, Colômbia e Bolívia também enfrentaram uma onda de protestos que gerou confrontos e mortes. Na ocasião, a Organização dos Estados Americanos (OEA), responsabilizou as ditaduras comunistas de Cuba e Venezuela por estimular a desestabilização em países do continente, como o Equador e o Chile. Com informações First Report e Infobae.
    Venezuelanos e cubanos presos nos Estados Unidos por participação em distúrbios.

    https://criticanacional.com.br/2020/06/03/venezuelanos-e-cubanos-presos-nos-estados-unidos-em-atos-de-vandalismo/

    ResponderExcluir

Obrigado pela sugestão.

disqus'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.