GLOBO DESISTE. MP DE BOLSONARO LIBERTA OS CLUBES JÁ NO BRASILEIRÃO

O Flamengo liderou.
O Palmeiras, o Athletico Paranaense, o Internacional, o Atlético Mineiro, o Bahia e o Red Bull Bragantino aderiram imediatamente.
E convenceram rapidamente Corinthians, Santos, Vasco, Ceará, Coritiba, Atlético Goianiense, Goiás, Fortaleza, Sport.
A revolução não tem mais volta.
O domínio absoluto da Globo na tevê aberta acabou.
Por videoconferência e mensagens de whatsapp, os dirigentes destes 16 clubes fizeram um pacto.
Vão defender com unhas e dentes a Medida Provisória 948, que permitiu que o Flamengo fosse dono da transmissão dos seus últimos três jogos no Carioca.
E se comprometeram a trabalhar com o presidente Jair Bolsonaro, junto à Câmara dos Deputados e do Senado, para que a Medida Provisória vire lei, sem alterações que mude a sua essência: o clube mandante, possa negociar individualmente seus jogos com qual emissora preferir.
Não só na tevê aberta, mas nas emissoras a cabo, no pay-per-view.
O pacto desmorona a pirâmide formada por Globo, Sportv e Premiere, que há décadas fez o que quis com o futebol neste país.
E já querem colocar em vigor essa alteração no Brasileiro, que começará em agosto.
A situação é impressionante.
Na TV aberta, só o Red Bull Bragantino não assinou com a Globo. E articulava mostrar seus jogos, como mandante, apenas na Internet.
Mas agora, tem o direito de vendê-los para a tevê aberta, fechada e pay-per-view.
Fonte: NBO

2 comentários:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.