JUIZ SUSPENDE DECRETO E DÁ 24 HORAS PARA GOVERNADOR DO DF REVOGAR MEDIDA DE REABIR COMÉRCIO

Ibaneis informou  que irar recorrer da decisão.
O juiz Daniel Eduardo Branco Carnachioni, da 2ª Vara da Fazenda Pública do Distrito Federal, determinou a suspensão do decreto do governador Ibaneis Rocha (MDB) que reabriu bares, restaurantes, academias e salões de beleza.
O magistrado deu prazo de 24 horas para que o governo do DF faça a revogação da medida.
A multa diária em caso de descumprimento é de R$ 500 mil.
Em entrevista ao portal Metrópoles, Ibaneis Rocha afirmou que o governo recorrerá da decisão.“Não fui notificado, mas tomei conhecimento. Decisão judicial é para ser cumprida e assim será. Não precisa estipular multa alguma, porque vamos respeitar. Mesmo assim, nós vamos recorrer dela”, declarou.
O pedido atendeu a ação popular impetrada pelo advogado e ex-candidato ao Senado pelo PSol Marivaldo Pereira, o jornalista Hélio Doyle, o cientista político Leandro Couto e o integrante do Conselho de Saúde Rubens Bias Pinto.

Nenhum comentário:

Obrigado pela sugestão.

BOMBEIROS DF. Tecnologia do Blogger.