MAIS MOBILIDADE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

Governo Federal doou quatro micro-ônibus adaptados que podem ser usados em áreas rurais e urbanas
Quatro micro-ônibus adaptados para pessoas com deficiência foram doados, nesta sexta-feira (14), pelo Governo Federal à Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). Um dos veículos será entregue à Associação Pestalozzi de Brasília, localizada na Asa Sul. Os demais serão utilizados para o atendimento de crianças, idosos e deficientes das unidades de acolhimento socioassistencial da capital (veja mais no vídeo ao final desta reportagem).
“É uma forma de garantir o direito de locomoção dos cidadãos”Ana Paula Marra, secretária-executiva de Desenvolvimento Social
A secretária-executiva de Desenvolvimento Social, Ana Paula Marra, destacou a importância dos micro-ônibus para a assistência social do DF. “Os veículos trarão mobilidade à população mais vulnerável do DF, como idosos, pessoas com deficiência, mulheres e toda rede de pessoas que nós atendemos na secretaria”, ressalta. “É uma forma de garantir o direito de locomoção dos cidadãos.”
Secretário especial de Desenvolvimento Social do Ministério da Cidadania, Sérgio Queiroz informou que os micro-ônibus são totalmente equipados para atender pessoas com dificuldade de locomoção. “Há ar condicionado e uma cadeira especial para aqueles que têm dificuldade de mobilidade“, explica. “Essa é uma parceria muito importante entre o governo federal e local para as pessoas em situação de vulnerabilidade social”.
Carência
Concedidos pelo Governo Federal por meio do programa MOB-Suas, os micro-ônibus são de uso rural e urbano e custam R$ 279,2 mil cada. Os veículos, com capacidade para até 20 pessoas, são equipados com dispositivo de poltrona móvel para embarque e desembarque de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. O objetivo é proporcionar mais mobilidade aos usuários e às equipes multidisciplinares.
Sedes já havia recebido um micro-ônibus do Governo Federal no início deste ano. O veículo foi entregue à entidade filantrópica Vila do Pequenino Jesus, conveniada à Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e localizada no Lago Sul. A primeira-dama da República, Michelle Bolsonaro, visitou a instituição em dezembro de 2019 e testemunhou in loco a necessidade de transporte para locomoção de pacientes.

Postar um comentário

0 Comentários