AMEAÇA OU PIADA? EXECUTIVO DA GLOBO SUGERE QUE EMISSORA PODE DERRUBAR BOLSONARO

Por Patrícia Moraes
José Bonifácio de Oliveira Sobrinho (o Boni) afirmou que a Globo poderia “derrubar” Bolsonaro em uma quebra de braço entre o presidente e a emissora.
O executivo afirmou que caso o presidente optasse por não renovar a concessão da Globo em 2022, aconteceria uma “revolução” por conta da popularidade da TV. 
A “força” citada por Boni destoa da realidade vivida pela Rede Globo, já que a emissora tem passado por sérias dificuldades, tanto na perda de audiência quanto na arrecadação de verbas.
Para se ter uma ideia, o Jornal Nacional (carro-chefe da emissora) teve perda significativa no número de telespectadores, mesmo durante a pandemia do novo coronavírus.
“Não acho possível cassar a TV Globo pela penetração que tem, pelo respeito que as pessoas têm, pelos serviços que prestou ao Brasil. Mas seria uma coisa no Brasil pior que uma revolução. Quem tentasse cassar a Globo estaria jogando para perder, porque o valor que o entretenimento e a informação têm para o público é inestimável”, contou.
Bolsonaro ainda não se decidiu se irá renovar a concessão pública para a Globo, que continua desferindo (sem sucesso) ataques diários contra o governo.
O presidente já avisou que, caso haja irregularidades, não aprovará a renovação da TV.
Segundo levantamento feito pelo site Poder 360, com o uso da Lei de Acesso à Informação, a rede Globo deve mais de R$ 52 milhões à Previdência.
Fonte:Diário do Brasil

Postar um comentário

0 Comentários