ALÉM DO BRASIL, CHINA E RUSSIA AINDA NÃO CUMPRIMENTARAM JOÉ BIDEN COMO PRESIDENTE DOS EUA

Tem treta das grandes
Vladimir Putin (Rússia) e Xi Jinping (China) declararam, nesta segunda-feira (9), que irão aguardar os “resultados oficiais” das eleições nos Estados Unidos para parabenizar (ou não) o democrata Joe Biden, que foi projetado (pela mídia) como vencedor na corrida pela Casa Branca.
O presidente Donald Trump, por outro lado, contesta o resultado da eleição e alega fraudes em vários estados.
Em coletiva de imprensa, o porta-voz do Kremlin, Dimitri Peskov, afirmou:
“Antecipando uma possível pergunta de vocês sobre as felicitações do presidente Putin ao presidente eleito dos Estados Unidos, quero dizer o seguinte: acreditamos ser correto aguardar os resultados oficiais das eleições.”
Pequim também adotou a mesma linha.U
Um dos porta-vozes do Ministério das Relações Exteriores, Wang Wenbin, afirmou:
A China acompanhou que Joe Biden declarou sua vitória eleitoral, mas nosso entendimento é que o resultado das eleições será determinado em conformidade com as leis e os procedimentos estadunidenses”.
Aqui no Brasil, tem petista malandro dizendo que Bolsonaro foi o único mandatário que não ligou para Biden, com o intuito de cumprimentá-lo.
Atualização:
México também irar aguardar o resultado final das eleições americanas, para parabenizar o vencedor. 
Fonte: Diário do Brasil

Postar um comentário

0 Comentários