CHINA AMEAÇA PAÍSES QUE BOICOTAREM JOGOS DE BEIJING 2022

Por Leonardo Trielli
Jornal do Partido Comunista Chinês diz que haverá retaliações. Países querem tirar jogos de Beijing por genocídio de uigures
O Partido Comunista Chinês usou o seu jornal de propaganda, Global Times, para ameaçar com sanções os países que tentarem boicotar os Jogos Olímpicos de Inverno de 2022, por conta da perseguição chinesa ao povo uigure.
Legisladores do Reino Unido e dos EUA formaram uma coalizão com 180 grupos de defesa dos direitos humanos para exigir que o Comitê Olímpico Internacional (COI) retire o evento da China.
No domingo, o editor do jornal, Hu Xijin, escreveu um tuíte de alerta:
“Boicotar os jogos de inverno de Beijing 2022, um ideia impopular, não receberá apoio maciço. O COI e os atletas se oporão a isto e a China sancionará seriamente qualquer país que seguir tal apelo.” 
Se no Twitter o alerta foi sutil, Xijin escancarou a ameaça, mais tarde, em um editorial.
A China é uma potência esportiva e econômica com crescente influência política. Se algum país for encorajado por forças extremistas a agir concretamente para boicotar as Olimpíadas de Inverno de Beijing, a China definitivamente retaliará ferozmente. A China certamente tem recursos e meios para fazer isso”, escreveu o editor do Global Times.
Com informações de Breitbart News.
Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as notícias em primeira mão. CLIQUE AQUI


Postar um comentário

0 Comentários