Banner Acima Menu INTERNAS

- PUBLICIDADE -

Universidade de Brasília cria selo para identificar vacinados

Por Hélio Costa Jr.
O selo de identificação, que contém um círculo amarelo e desenhos de vírus e seringas, será fixado em documento com foto, permitindo a entrada nas dependências da universidade
A Universidade de Brasília (UnB) implementará um selo de identificação para alunos e servidores imunizados contra a covid-19, segundo reportagem da Gazeta do Povo. A faixa de identificação, que contém um círculo amarelo e desenhos de vírus e seringas, será fixada em documento com foto, permitindo a entrada nas dependências da universidade.
Comentando sobre o caso, a professor da UnB, Selma Kückelhaus, doutora em ciências médicas, afirmou que a medida é "uma forma de protelar a retirada do passaporte sanitário e dar uma nova carinha no processo de segregação de pessoas. Pessoas como eu que não se vacinaram não têm acesso ao selo...aliás, eu não quero um de jeito nenhum, é vergonhosa essa decisão!".
De acordo com o Comitê de Coordenação das Ações de Recuperação (CCAR) da UnB, o acesso a todas as edificações da instituição será possível apenas por meio da apresentação do selo, que deve vir junto de um documento com foto ( (RG, CNH, carteira funcional ou estudantil, crachá). O estudante ou funcionário que receber o selo também deverá assinar uma lista, que será encaminhada ao CCAR, segundo orientações do vice-reitor e presidente da CCAR, Enrique Huelva Unternbäumen.
Receba de forma ágil todo o nosso conteúdo, através do nosso canal no Telegram!

Postar um comentário

0 Comentários